quinta-feira, 3 de julho de 2008

Sais de Lítio


Fico perdido e confuso
Num sobe e desce difícil
Preciso de um parafuso
Preciso de sais de lítio...

Navego pelo universo
Montado num lindo míssil
Acredito já estar bem perto
Da terra dos sais de lítio...

Caminharei satisfeito
Em meio aos cristais
Lá tudo é perfeito
E os caminhos de sais...

Já não sei escolher
Entre o bem e o mal
Mas só deve ser
A ausência de sal...

Confuso e estranho
Perdido e complexo
Sais de lítio no sangue
Excesso de sexo...

Esquizofrenia, comportamento
Nada está nítido
Meu Medicamento
Meus sais de lítio!

Abro os olhos pro mundo
De um azul bem atípico
Mesmo assim me pergunto:
_ E meus sais de lítio?

2 comentários:

Amanda Noleto disse...

Cadê a porcaria dos sais de lítio...aff...rsrsrsrsr

Migo lindoooo... se vc num achar me avisa que eu ajudo a procurar, tá?! rs

Te adoroooooooooooo muuuuuuuuuito!!!

bjim

Alessandro Vargas disse...

rsrsrsr... Vdd, ainda nao os adquiri... heheh... Grande bjo Ammy, tb te adoroooo, bjuss.